24 de junho de 2013

Orphan Black | REVIEW

Just one. I'm a few. No family too. Who am I?

Se você gosta de séries de ficção científica, Orphan Black chegou pra ser a sua nova bitch queridinha. Com um enredo que não deixa nada a desejar, a série que foi renovada para a segunda temporada promete deixar todo mundo envolvido.

Tudo começa quando Sarah Manning, uma mulher que parece atrair vários problemas, vê uma mulher cometendo suicídio em uma estação de trem. Isso já seria normalmente traumatizante, ok. Mas o que você faria se, quando olhasse para o suicida, visse que é uma pessoa idêntica a você?


A decisão de Sarah foi roubar a identidade e, por alguns momentos, a vida da gêmea, chamada Elizabeth Childs, a fim de conseguir dinheiro para fugir com sua filha, Kira, e seu irmão adotivo, Felix. E ela conseguiria, se não houvessem tantos empecilhos, como o fato de Beth Childs ser uma policial, e ela descobrir que não tem uma gêmea, mas várias.

Melhor dizendo, ela não tem nenhuma gêmea. Ela tem clones ao redor do mundo. E alguém está decidido a aniquilar todos eles.

Além de viver a vida de policial, Sarah/Beth precisará lidar com o ex-namorado traficante, com a mãe adotiva de Kira, com seu parceiro Art, com seus clones e, principalmente, com quem quer que seja a pessoa - ou pessoas? - responsável pela caçada aos clones. Nada fácil, huh?

A atriz principal, Tatiana Maslany, já ganhou um Critics' Choice Television Award por seu trabalho na série, além de ter sido indicada para outros dois prêmios. E, incrivelmente, a série tem apenas uma temporada até agora, contendo 10 episódios. Já deu pra sentir o clima?

Recomendo MUITO a série, que já ganhou um espaço gigante no meu coração seriador!



 Todos os clones têm uma história ÓTIMA!

Cosima, a nerd.


Agora você, querido leitor, sinta-se mais do que convidado a assistir Orphan Black! Garanto que você não vai se arrepender ;) 
Clique aqui para ter acesso aos links para download da série e have fun!

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário